sexta-feira, 3 de junho de 2016

Deputados ouvem reivindicações de alunos do Colégio “Paes de Carvalho”


O presidente do Parlamento Estadual, deputado Márcio Miranda e os deputados Eliel Faustino, Carlos Bordalo e Iran Lima, receberam, na manhã desta quarta-feira (01/06), alunos do Colégio Estadual “Paes de Carvalho”, para ouvir as reivindicações sobre melhorias na infraestrutura do prédio quase bicentenário. Os representantes da classe estudantil explicaram aos parlamentares os principais problemas que afetam as atividades escolares na instituição de ensino. Os alunos falaram sobre apagões constantes na rede elétrica, ocasionados pelas péssimas condições nas instalações na rede de energia.

Os estudantes relataram ainda que, por causa da precariedade na rede elétrica, os equipamentos de ar-condicionados não funcionam corretamente, provocando calor insuportável,. já que o clima no estado é sempre quente. Essa situação prejudica o funcionamento de bebedouros que necessitam de energia para processar e fornecer água gelada aos alunos e professores.          

Durante o encontro, o grupo estudantil entregou um ofício relatando os principais problemas e pediu o apoio dos deputados para realizar uma audiência pública e solicitar ao governo do estado melhorias e soluções para os problemas.  

Para o estudante e membro do Conselho Escolar do “Paes de Carvalho”, Marcos Melo, a situação da escola é preocupante e o apoio dos deputados será fundamental para sensibilizar o governo.“ Estamos satisfeitos pela atenção dada às nossas reivindicações aqui na Casa do Povo. O “Paes de Carvalho” foi a escola de muitos políticos, inclusive do governador e tem uma história secular que merece ser preservada em todos os níveis, educacionais e na infraestrutura também”, explicou o jovem.              

Para o presidente da Casa de Leis, o deputado Márcio Miranda, a reivindicação é justa e terá todo o empenho do Legislativo. “Estamos sensibilizados pelas reivindicações destacadas e faremos a intermediação junto ao governo para tomar as providências necessárias. O legado tradicional da instituição deve ser mantido e acreditamos que o governador atenderá as demandas”, destacou.            

Ao final da reunião, o deputado Eliel Faustino, líder do governo na Assembleia Legislativa do Pará (Alepa), afirmou que vai agendar com a Secretaria de Estado de Educação (Seduc), uma visita dos técnicos à Escola para identificar “in loco” as principais problemáticas.       

HISTÓRIA - A Escola Estadual “Paes de Carvalho” é a instituição pública mais antiga em atividade no estado. Com 170 anos de existência, conta, atualmente, com dois mil alunos. Dentre os milhares de estudantes, muitos políticos e  profissionais do Pará já estudaram na instituição como: ministros de Estado, senadores da República, deputados federais, deputados estaduais, prefeitos, governadores, além de reitores, professores e empresários.

Na República, a instituição tinha o nome de "Paes de Carvalho", que depois foi substituído por "Ginásio Paraense". Em cumprimento à lei federal que transformou os ginásios em colégios, passou a ser denominado de Colégio Estadual, no dia 28 de julho de 1841.


Fonte: Assembléia Legislativa
Reações:

0 comentários:

Lava jata do gaúcho

Lava jata do gaúcho

Marcadores