sexta-feira, 3 de junho de 2016

Nota



 03/06/2016
 
 
Nota
 
 
 
 
 
A reportagem “Verba para empresa de Lulinha” veiculada hoje (03.06.2016) por “O Globo” é mais uma prova da campanha difamatória que o jornal e as Organizações Globo promovem contra Fábio Luis Lula da Silva e seus familiares.
 
O jornalista Renato Onofre, embora tenha colocado Fábio Luis no centro da reportagem, tratou de temas absolutamente estranhos a ele.
 
Em relação ao pagamento — e não repasse — feito à empresa Gamecorp, da qual Fábio é acionista indireto, já foi esclarecido ao jornal que o valor está vinculado à inserção publicitária contratada por agência de publicidade que prestava serviços ao Grupo CAOA.
 
Quem deve esclarecimentos à sociedade por questões relacionadas à inserções publicitárias não é Fábio Luis ou a Gamecorp, que sempre agiram dentro da mais absoluta legalidade, mas, sim, a Infloglobo Comunicação e Participações S/A, que edita o jornal “O Globo” e outros veículos das Organizações Globo. A Infoglobo teve que celebrar com o Conselho Administrativo de Defesa Econômica - CADE em 2013 Termo de Cessação de Prática (TCC) pela prática anticoncorrencial na captação de anúncios publicitários (Requerimento nº 08700.005399/2012-81).
 
É lamentável que o jornal “O Globo”, que ainda responde perante o CADE por prática anticoncorrencial no mercado de publicidade, use suas páginas para atacar terceiros que atuam dentro da lei.
 
Cristiano Zanin Martins & Roberto Teixeira
 
 
 
 
Assessoria de Imprensa Luiza Gorgatti tel 61 9947-2339
Mais informações em www.abemdaverdade.com.br
 
 

 
 
 Teixeira, Martins & Advogados
 Rua Padre João Manuel, 755, 19º andar
 CEP: 01411-001 - São Paulo(SP) - Brasil
 Tel. Direto/Direct Phone: (+5511) 3060-3310
 Fax: (+5511) 3061-2323
 
Reações:

0 comentários:

Lava jata do gaúcho

Lava jata do gaúcho

Marcadores