domingo, 3 de julho de 2016

Prefeito realiza coletiva para prestação de contas dos três anos e meio de mandato


Durante a coletiva o prefeito anunciou a chegada de obras importantes para o município.
Na manhã desta sexta-feira, 1 de julho , o prefeito de Óbidos recebeu em seu gabinete membros da imprensa Obidense para a realização de uma prestação de contas, dos atos administrativos dos últimos três anos e meio de governo. A coletiva teve inicio às 11h e contou com a presença do secretário de planejamento e finanças do município, Giovanni Giordano, que também pode falar sobre o lançamento do programa Nota Fiscal de Serviços eletrônicas, que será realizado no dia 4 de julho, a partir das 19h30min, no auditório da Casa da Cultura.

A abertura da entrevista coletiva tratou sobre o andamento das obras realizadas no município. “Essa é uma forma de prestação de contas em que eu quero iniciar dizendo que ao longo destes três anos e meio não tentamos fazer o impossível, e sim o nosso melhor, que é o mais importante e desenvolvemos varias obras, e estamos em um montante de 70 obras, algumas ainda em andamento e outras em fase conclusivas. Essas obras vieram ao encontro da sociedade e eu não vou entrar no mérito de obras de cunho social. Nós implementamos uma parceria muito próxima com as comunidades, e temos a construção dos Centros Integrados Como Vila Barbosa, Vila Roberta e agora a Poranga, para atender a demanda das comunidades. Temos muitas obras para inaugurar e até o final do ano todas serão entregues a comunidade”, falou o prefeito após citar a qualidade das obras executadas na sua gestão.

Na área da cultura, o gestor citou a evolução do carnaval de Óbidos, que em 2015 recebeu mais de 130 mil pessoas no evento que já é considerado como o melhor e maior carnaval de rua da região Oeste do Estado. “Revitalizamos a nossa cultura. Óbidos deu salto na parte cultural e não podemos deixar de mencionar esse lado cultural e tradicional que não podemos deixar de lado. Tivemos uma evolução no carnaval. Nosso primeiro carnaval destoou da qualidade que temos e de lá pra cá fizemos os melhores carnavais de Óbidos, mesmo com criticas”, disse o prefeito que também se orgulha pela realização do Arraiá dos Pauxis, Festival Folclórico de Óbidos, Festival da Musica Obidense (FEMOB), e que já realizou o lançamento de mais de 40 obras literários durante os últimos três anos e meio.

Quanto ao pagamento dos servidores públicos, que nos últimos meses teve um grande impacto com a retenção de recurso por parte da Receita Federal para pagamento de dividas acumuladas das gestões passadas, o prefeito foi enfático ao afirmar. Todos os servidores irão receber seus vencimentos. “Atraso de salário não deve acontecer e ninguém em sã consciência fará isso, mas infelizmente situações são impostas ao município. Tivemos uma queda de arrecadação do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), do FUNDEB é um efeito cascata e eu quero parabenizar a maioria dos servidores públicos pela compreensão. Passamos por essa turbulência e ainda não fechamos todas as secretarias do mês de maio, e tenham a certeza de uma coisa, meu habito e minha criação não permite dar calote em ninguém. Quando eu recebi o município eu recebi com salários atrasados e eu paguei, e agora como eu não vou pagar a minha vigência? Hoje nós pagamos o piso nacional dos professores e estamos pagando o retroativo e vamos honrar isto, e melhoramos a vida de alguém. Não devemos nada para a educação e vamos trabalhar para pagar a folha do mês de junho, que é uma folha necessária. O FUNDEB 60% é exclusivo para o professor e nós tiramos dos 40% para complementar salário dos professores. E eu quero deixar aos nossos servidores esse pedido de compreensão de respeito e de liberdade de trabalho dentro das instituições e nós acabamos com as perseguições”.

Desde o mês de junho técnicos da concessionária de energia elétrica realizam o levantamento dos moradores rurais para receber a implantação do programa do Governo Federal Luz para Todos. Mas essa conquista surgiu muito antes, com o debate sobre a importância do rebaixamento do linhão de Tucurui. “Nós chamamos a Eletronorte sobre o rebaixamento do linhão de Tucurui, que só passava por cima em direção a Manaus, e dois pontos foram colocados: A subestação de Oriximiná e de Óbidos. Poucas pessoas lembram dos apagões, e que a nossa energia ela funcionava a base de derivado de petróleo e que hoje não tem nenhuma maquina no município de Óbidos, e hoje temos uma energia limpa. E ganhamos uma energia de qualidade e este foi um avanço muito grande. Com esse rebaixamento tivemos acesso a vários pontos de luz para todos e com a energia que tínhamos não tinha como manter as comunidades.  Muitas comunidades foram levantadas e não será para núcleos habitacionais e sim para onde more o cidadão. Esse levantamento ta sendo feito, você pode observar a margem da PA 254, é uma coisa muito bem arquitetada e que beneficiará todos nós. O luz para todos é uma realidade. Desde que foi estabelecida a Luz para todos nunca uma comunidade da cabeceira havia recebido iluminação publica e hoje todas as comunidades possuem iluminação pública”.

Minha Casa Minha Vida, embora as casas esteja concluídas desde o final de 2015, as habitações ainda não podem ser entregues a população. Mas a Prefeitura tem buscado alternativas junto ao MPE. “Estamos reiniciando o asfalto no Bela Vista, temos as casas do Minha Casa Minha Vida que ainda não foram entregues, algumas necessitam de reparos e o grande problema foi a energia elétrica. A expansão da energia para os bairros e isso coube uma ação do Ministério Público, eu estive lá, e eles me falaram sobre isso e eles estão com um curto espaço de tempo para concluir e a gente poder entregar aquelas casas. Estamos construindo um micro sistema de abastecimento de água que vai atender ao residencial e também a creche que será construída dentro da Unidade, estamos para dar ordem de serviço de construção do Centro Integrado de Saúde da Mulher, que também será construído próximo a Escola”.  

Durante a entrevista assuntos como, a melhoria na estrutura de novos bairros São José Operário e Alegria, foram debatidos. O prefeito falou que já conversou com a direção da Celpa Equatorial no sentido de realizar a instalação de energia elétrica nestas comunidades para então a prefeitura poder realizar a instalação de iluminação publica, como foi realizado nas comunidades da Cabeceira. E fez um apelo quanto às invasões que crescem a cada dia no município. “E o que nos deixa tristes é que estas áreas invadidas aleatória ou mesmo de forma incentivada, não nos deixa espaço para construir mais nada. Pra se ter ideia nós temos uma emenda parlamentar para a construção de uma unidade de saúde do perpetuo socorro e nós tivemos que comprar um terreno para construir a Unidade Básica de Saúde, então, é preciso planejar e pensar nestes instrumentos como creches, escolas, Unidades de Saúde, Micro Sistemas de água”.

O prefeito finalizou agradecendo a oportunidade e desejando a todos os obidenses um feliz Círio de Santana que já inicia no próximo dia 10 de julho, com saída da Comunidade da Januária e chegada no porto do bairro de Bela Vista, com passagem da procissão pelos bairros de Bela Vista, Cidade Nova, Fátima, Lourdes e Centro.
Fonte: PMO
Reações:

0 comentários:

Lava jata do gaúcho

Lava jata do gaúcho

Marcadores