segunda-feira, 18 de julho de 2016

Sicalc web e incompatibilidades de Windows 7, 8 e 10



Sicalc é um programa disponibilizado gratuitamente pela Receita Federal para efetuar cálculo de impostos em atraso.
Este programa é muito utilizado por contadores e pode ser utilizado por qualquer pessoa quando necessita efetuar um cálculo de multa e juros de um determinado tributoou contribuição federal que esqueceu de pagar na data correta de vencimento.
Estes tributos que podem ser recalculados são todos os federais, exceto contribuições previdenciárias). E é possível gerar o DARFpara pagamento na Rede Bancária convencional.
Existem duas formas de utilizar o Sicalc, de forma online (web) ou instalado em seu computador. Este segundo, causa alguns problemas de utilização.
Para quem utiliza muito este programa, é recomendado o uso da versão Desktop, pois ela mantém suas informações, facilitando cálculos recorrentes.

Versão Desktop atualizada, sempre !

Para quem usa a versão desktop, a primeira coisa que temos que verificar no Sicalc é se a versão está atualizada, pois os coeficientes de cálculo sempre mudam e o programa não possibilita cálculos com valores deastualizados.
Então, abrimos o programa Sicalc, clique no ícone ‘?’ e Sobre o sistema
Sicalc - Verificar versão
Sicalc – Verificar versão
Como este artigo é de 11 de abril, a versão ainda está como março de 2016.
Sicalc - Versão atualizada
Sicalc – Versão atualizada
Caso você não esteja com a versão atualizada neste link você pode baixar a nova. Pode instalar por cima da versão anterior, sem problemas.

Incompatibilidades de Windows 7, 8 e 10 – Desktop

Sicalc é um programa relativamente antigo, e para utilizar em sistemas como o Windows em suas versões 7, 8 ou 10 terão problemas de incompatibilidade.
Para resolver o problema de incompatibilidade é simples, veja nas fotos abaixo.
Localize o Programa Sicalc em Todos os Programas
Sicalc - Localizar em Todos os Programas
Sicalc – Localizar em Todos os Programas
No programa, clique com o botão direito do mouse e vá em Propriedades.
Sicalc - Propriedades do programa
Sicalc – Propriedades do atalho
Agora na Aba de Atalho, clique em Abrir Local do Arquivo
Sicalc - Atalho
Sicalc – Atalho
Localize o Programa e clique com o botão direito e clique em Propriedades.
Sicalc - Propriedades do Programa
Sicalc – Propriedades do Programa
Este ponto é feito para que as alterações nas Propriedades sejam feitas no Programa e Não no Atalho.
Marque as caixas “Executar este programa em modo de compatibilidade” e “Executar este programa como Administrador”
Sicalc - Compatibilidade e permissões administrativas
Sicalc – Compatibilidade e permissões administrativas
Feito estes passos, seu programa sempre pedirá uma confirmação quando você abrí-lo, pois ele irá funcionar com privilégios administrativos, isto significa que ele tem maior acesso aos recursos do Windows.

Sicalc WEB

Agora, se você não quer ter o Programa Sicalc instalado em seu computador e faz cálculos muito esporádicos, vale a pena acessar diretamente o Sicalc WEB, pois ele é diretamente do site da Receita Federal e desta forma, sempre está com os cálculos atualizados.
Para acessar o Sicalc WEB basta clicar neste link de acesso que terá esta tela.
Sicalc WEB
Sicalc WEB
Agora, basta clicar em “Pessoa Física” ou “Pessoa Jurídica” dependendo de sua necessidade e preencher os cálculos a serem feitos.

Cálculos do Sicalc

Os principais cálculos que podem ser feitos no Sicalc, seja ele através de Programa ou Web são :
  • Quotas de IRPF – a partir de 1996.
  • IRPJ – A partir de 1996.
  • CSLL – A partir de 1996.
  • ITR – A partir de 1997.
  • SIMPLES – a partir de junho de 1997.
  • Tributos e contribuições administrados pela RFB (com algumas restrições) a partir de 1995.
Os tributos que NÃO são possíveis pagar com o Sicalc:
  • Todos que não sejam da Receita Federal do Brasil
  • Imposto sobre comércio exterior
  • Multas por atrasos na Declaração de IR (códigos 5300, 5320, 5338, 1345 e 2170) *Estes cálculos são feitos na unidade de atendimento da RFB
Reações:

0 comentários:

Lava jata do gaúcho

Lava jata do gaúcho

Marcadores