terça-feira, 28 de março de 2017

Hospital Regional de Santarém realiza o terceiro transplante renal do ano




“Eu estou muito feliz em saber que meu filho vai voltar à vida normal dele. Por tirar meu filho dessa, eu me sinto realizada”, revela a dona de casa Maria Francisca do Nascimento, de 59 anos. O motivo da felicidade é o sucesso do transplante realizado em seu filho, Alexandro, de 29 anos, no Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA), em Santarém. Alexandro, que recebeu um dos rins de sua mãe, deve ter alta médica nesta semana.

O jovem não esconde a alegria em se ver livre da máquina de hemodiálise, companhia inseparável ao longo dos últimos cinco anos de sua vida. “Estou sentindo uma expectativa muito grande, porque estou nesse tratamento, que não é fácil, há cinco anos. Só quem faz sabe como é difícil. Graças a Deus deu tudo certo. A minha mãe me deu mais uma chance de vida. Ela tinha me dado, quando nasci e, agora, de novo”, diz Alexandro. Ele foi o sexto paciente a ser transplantado no HRBA – unidade pública de saúde gerenciada pela Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar, sob contrato com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa).

O programa de transplantes do Hospital Regional de Santarém teve início em novembro de 2016. Os resultados alcançados são excelentes. “A cada dia, nós temos dado passos firmes em relação à consolidação dos serviços de transplantes em Santarém. Estamos na sexta dupla e nenhuma delas teve complicação. Também sentimos a diferença no dia a dia na outra ponta, que é o paciente renal crônico, o paciente em hemodiálise. Agora, com os transplantes, já abrimos seis vagas, e isso feito muita diferença. A avaliação é muito positiva. Esperamos continuar avançando mais”, explica o nefrologista Henrique Rebello.

Ansioso para poder voltar a trabalhar e estudar, Alexandro deixa uma mensagem importante. “Quero aproveitar a vida com mais intensidade e dizer às pessoas que têm parentes em hemodiálise, que se coloquem no lugar dessas pessoas e doem para ajudar um ao outro”.

Fonte: Joab Ferreira
Reações:

0 comentários:

Lava jata do gaúcho

Lava jata do gaúcho

Marcadores