terça-feira, 23 de maio de 2017

Imprensa Oficial e Pro Paz implantam Espaço de Leitura em Santarém


A Imprensa Oficial do Estado (IOE), em parceria com a Fundação Pro Paz e o Corpo de Bombeiros Militar do Pará (CBM), inaugura nesta quarta-feira, 24, às 9h, em Santarém, mais um espaço do projeto de incentivo à leitura "Livro Solidário", coordenado pela IOE e Núcleo Articulação e Cidadania (NAC).

O Espaço de Leitura vai funcionar no 4º Grupamento do CBM, situado na Travessa Dom Frederico Costa, nº 647, bairro Prainha, e será destinado às crianças atendidas pelo Projeto Escola da Vida (PEV), desenvolvido pelo Corpo de Bombeiros no município.

O Espaço recebeu a identidade visual do Livro Solidário, estantes, além de um acervo de 450 livros recebidos da população de Belém. A programação vai contar com a presença dos alunos do Projeto Escola da Vida, família e comunidade em geral, além da presença dos presidentes da Fundação Pro Paz, Jorge Bittencourt; da IOE, Cláudio Rocha; e do comandante do 4º Grupamento Bombeiro Militar, tenente coronel Luís Cláudio Rêgo dos Santos.

Durante o evento haverá atividades como atendimento de primeiros socorros pelos alunos do PEV; e de leitura pela Pastoral do Menor de Santarém. O Espaço de Leitura em Santarém será o primeiro a ser implantado fora da Região Metropolitana de Belém (RMB). “Outras iniciativas receberam apoio do projeto, com doações de livros que chegaram a somar mais de 50 mil desde 2011 a várias instituições”, explicou a coordenadora do projeto, Carmen Palheta.

Para a coordenação do Pro Paz, a implantação do Espaço de Leitura em Santarém representa uma somatória de esforços conjuntos entre os três órgãos que promoveram a revitalização do espaço para a consequente utilização como biblioteca.

Serviço:
As doações de livros para o projeto Livro Solidário podem ser realizadas diretamente na sede da Imprensa Oficial do Estado, localizada na Travessa do Chaco, 2271, no Bairro do Marco. Mais informações pelo telefone: 4009.7847.


Fonte: Imprensa Oficial do Estado-IOE
Reações:

0 comentários:

Lava jata do gaúcho

Lava jata do gaúcho

Marcadores