terça-feira, 20 de setembro de 2016

Peregrina abençoa indústria de Barcarena



Na companhia da comitiva da Guarda de Nazaré, a Imagem Peregrina visitou na última sexta-feira, 16, as empresas do polo industrial de Barcarena e Vila dos Cabanos.  A passagem incluiu paradas na sede do Projeto Cap, Albras, Hydro Alunorte, Alubar e Imerys, ligadas a Associação das Empresas do Município de Barcarena (Assemb) e reuniu empregados da indústria e moradores do município numa das poucas oportunidades para se estar tão próximo da imagem da Virgem de Nazaré.

A peregrinação iniciou às oito horas da manhã. Em cada empresa, uma celebração para pedidos e bênçãos à padroeira dos paraenses. Após passar pelo Projeto Cap, Albras e Hydro Alunorte, a Imagem Peregrina seguiu para a Alubar Metais e Cabos.

Ricardo Figueiredo, membro do Conselho de Administração da Alubar, conduziu a imagem até o auditório, onde colaboradores da companhia, vestidos com camisa alusiva ao Círio, prestaram as homenagens. No encerramento da visita, a imagem foi levada pelo diretor executivo da empresa, Maurício Gouvea. “Primeiramente é uma graça muito grande para a Alubar receber a representação maior da fé do povo paraense. É uma felicidade muito grande poder compartilhar isso com os colaboradores, uma emoção que toma conta e não sabemos descrever”, disse emocionado o diretor executivo.

A última empresa a receber a visita religiosa foi a Imerys Capim Caulim, onde a imagem foi recebida no ritmo de louvor entoado pelo Grupo Tambores do Conde, projeto social apoiado há oito anos pela mineradora. Empregados da empresa e familiares acompanharam a celebração ministrada pelo Padre Mariano, da Paróquia da Vila dos Cabanos.

"Receber a Imagem Peregrina é um momento ímpar, que nos honra por tudo o que representa para os paraenses e a comunidade católica e nos relacionamos ainda mais com a fé num clima de serenidade e harmonia", afirma Maurício Filho, gerente da mineradora.

Ramsey Alladef, colaborador  almoxarife, sorteado pela empresa para carregar a imagem peregrina até o altar montado na área de lazer estava entre os mais emocionados.   “É uma alegria imensa para quem é católico e uma oportunidade de refletir mais sobre a vida, em como devemos ser mais caridosos e ajudar o próximo”, conta.

Rubinaldo Conceição, diretor de peregrinação, afirma que a passagem pela indústria integra o calendário de visitas há seis anos. “Toda vez é uma experiência diferente. Vemos que as pessoas de Barcarena que muitas vezes não assistem o Círio de Nazaré veem neste momento a oportunidade para agradecer e estar perto Dela”.

 A peregrinação continuou fora da área industrial. Após o almoço na mineradora de caulim, a comitiva seguiu para celebração de missa na Igreja Matriz de Vila do Conde, onde houve maior aproximação com os moradores e comunidades agrárias. No fim, a imagem seguiu para a Vila dos Cabanos onde houve procissão nas ruas da vila e o encerramento com missa na Igreja Matriz São José Trabalhador, celebrada pelo Bispo José Pereira.

Fonte: Temple Comunicações
Reações:

0 comentários:

Lava jata do gaúcho

Lava jata do gaúcho

Marcadores