sábado, 12 de agosto de 2017

Estudo Revela que Uma em Cada Dez Mulheres Sente Dor na Relação Sexual



Uma larga pesquisa feita com cerca de 7 mil mulheres no Reino Unido descobriu recentemente que a chamada “dispareunia” (a famosa dor sentida durante o sexo) é mais comum entre as mulheres do que se imagina. Esse estudo concluiu que ao menos uma em cada dez mulheres sente dor durante a penetração, e que isso acontece principalmente entre as mulheres dos 16 aos 24 anos de idade.

A pesquisa publicada no Jornal Internacional de Obstetrícia e Ginecologia (BJOG) revelou que sentir dor durante a penetração é muito comum entre as mulheres e que isto está relacionado à ansiedade sentida durante o sexo, à falta de tesão e a problemas que fazem com que o canal vaginal fique mais seco. Foi registrado ainda que muitas mulheres sentem uma dor tão incômoda, que chegam a evitar ter relações sexuais com medo da dor.

Veja mais: Por que algumas mulheres sentem dor na relação sexual?

Outra pesquisa feita pelo Instituto de Estatística da Universidade Americana de Ginecologistas e Obstetras confirma mais uma vez que sentir dor durante o sexo é comum ao menos em alguma fase da vida, onde cerca de 75% das mulheres dizem ter sentido algum tipo de dor ou desconforto durante a relação sexual.

Nessa pesquisa, os estudiosos confirmam que boa parte da dor é sentida por falta de lubrificação no canal vaginal, e nesses casos o problema pode ser resolvido com o uso de lubrificantes. Em caso de dores mais persistentes, esse pode ser um indicativo de problemas de saúde mais sérios, como a vulvodínia.

Se você tem sentido dores durante o sexo, procure se informar com seu ginecologista sobre quais dores são consideradas normais e quais podem indicar que algo mais sério tem atrapalhado sua vida sexual. Como o estudo feito no Reino Unido pontuou, além de muitas mulheres sentirem dor durante a relação, grande parte delas não informa esse fato aos seus ginecologistas por ficarem envergonhadas com o assunto.

Passar a realmente curtir o sexo é uma parte muito importante de nossas vidas, e descobrir o que tem atrapalhado você nesses momentos é essencial não apenas em termos de prazer, mas principalmente quando falamos de saúde.

Converse com seu médico sobre isso, diga o que tem sentido durante suas relações sexuais e lembre-se que não há motivos para se envergonhar, sua saúde e seu bem-estar vêm em primeiro lugar.


Fonte: Irresistível, André Oliveira, bombando na web, doenças sexuais, primeira vez no sexo
Reações:

0 comentários:

Lava jata do gaúcho

Lava jata do gaúcho

Marcadores