segunda-feira, 5 de setembro de 2016


Pelo segundo ano consecutivo, a Imprensa Oficial do Estado participa do Salão do Livro da Região do Baixo Amazonas que acontece em Santarém, no oeste paraense. A programação foi aberta no último dia 2 e segue até o dia 11, no Espaço Pérola de Tapajós. Desta vez, a autarquia será uma das patrocinadoras do salão e, na oportunidade, em parceria com a Secretaria de Estado de Cultura (Secult), levará ao público o espetáculo lítero-musical “Ciranda dos bichos”, do coletivo cultural Ayvu Rapyta.

O grupo entra no universo dos bichos para contar as mais divertidas histórias e canções. "São narrativas que contam como os animais se relacionam nas mais diversas situações: eles namoram, viram flores, trocam cartas, trocam rabos, trocam de identidade, tem até gente que vira bicho, gente que devora animais e coisas inusitadas, só pra fazer parte das histórias", explica Paulo Demétrio da Silva, integrante do coletivo.

São textos narrativos, poéticos e canções de autores como Heliana Barriga, Antonio Juraci Siqueira, José Paulo Paes, Alfredo Garcia, Ruth Rocha, Vinicius de Moraes, Palavra Cantada, Maurilo Andrea, Jeremy Holmes e outras de Domínio Popular. O espetáculo terá a duração e 90 minutos e visa, segundo Paulo Demétrio, a formação de público leitor entre adultos e crianças. “Nós queremos despertar o interesse dos leitores e visitantes do Salão para a riqueza da produção literária dos autores paraenses, que não deixam nada a dever para os grandes nomes da literatura brasileira”, destaca.

Para o presidente da Imprensa Oficial do Estado, Cláudio Rocha, o Salão do Livro é mais uma oportunidade para que o governo do Estado, por meio de suas secretarias e órgãos, possa ampliar as atividades literárias para os municípios do interior. "A Imprensa Oficial sente-se honrada em poder colaborar para esse universo da literatura e , ao mesmo tempo, reforçar as ações de incentivo à leitura com o projeto Livro Solidário, que também vai estar presente em mais essa edição do salão", ressalta. Ele acrescenta que o estande da IOE também vai levar o conceito da sustentabilidade que foi apresentado na Feira do Livro deste ano em Belém.

O grupo - O grupo Ayvu Rapyta, cujo nome origina-se de uma expressão indígena que significa "sopro, som, ser, palavra habitada", busca no prazer das histórias habitar com sonho e magia o coração das pessoas. Tem como fio condutor as narrativas contadas e costuradas na roca do tempo das culturas.

Roda Livros – A Imprensa Oficial do Estado vai doar, por meio do projeto de incentivo à leitura Livro Solidário, cerca de mil livros ao projeto Roda Livro, que busca implantar minibibliotecas em diverso bairros de Santarém, especialmente nos periféricos, onde não há acesso a bibliotecas e livros de qualidade. Segundo Ericson Aires, coordenador do Roda Livro, atualmente o projeto está instalado em cinco pontos da cidade, mas a pretensão é levá-lo a todos os bairros.

O Projeto Roda Livro, de incentivo à leitura, tem como objetivo inserir essa prática no cotidiano das pessoas por meio da criação e implantação de minibibliotecas em várias localidades da região do Tapajós, além das associações comunitárias, de classe, organizações não governamentais, espaços públicos e privados, entre outros. “A ideia é conectar Santarém e seus afluentes através dos livros e implantar uma grande rede de democratização e circulação do conhecimento”, explica Ericson Aires.

O projeto Livro Solidário vai doar, também, cerca de 500 livros, entre didáticos e de literatura em geral, para a Unidade da Fasepa de Santarém.

Serviço: Apresentação do espetáculo “Ciranda dos bichos” no IX Salão do Livro da Região do Baixo Amazonas. Dia 10/09, às 19h30, no Espaço Pérola do Tapajós – Parque da Cidade. Avenida Bartolomeu de Gusmão, s/n – Santarém. Entrada franca.

Fonte: IOE
Reações:

0 comentários:

Lava jata do gaúcho

Lava jata do gaúcho

Marcadores