segunda-feira, 30 de maio de 2016

Fiscalização da Divisa apreende alimentos impróprios ao consumo na Feira da Cohab


Carne exposta e sem qualquer procedência estava sendo vendida à população. Com o objetivo de fazer prevenção e combate ao consumo de carne clandestina, além de fiscalizar os procedimentos de manipulação de alimentos, a Divisão de Vigilância Sanitária (Divisa) tem feito ações nas feiras e mercados de Santarém, oeste do Pará. Na manhã de sábado (28), fiscais realizaram uma ação na feira da Cohab que terminou com apreensões de alimentos impróprios para o consumo e ainda equipamentos que estavam sendo utilizados em estabelecimentos que não estavam de acordo com as normas estabelecidas.

De acordo com a Divisa, a ação faz parte de um cronograma de atividades de conscientização tanto de vendedores como também o de consumidores. “Já tivemos um primeiro momento de orientação e agora a gente partiu para ação, que é justamente as apreensões de carnes expostas à temperatura ambiente, queijos sem procedência, pescado transportado de maneira inadequada e produtos fora do prazo de validade. Fazemos também um trabalho de conscientização do consumidor para que ele possa estar atento a esses critérios antes de comprar o alimento”, ressalta o coordenador, Walter Matos.

A operação contou com o apoio da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminfra), Secretaria Municipal de Trânsito  (SMT) e  Secretaria Municipal de Agricultura e produção Familiar (Semap), além da Policia Militar. Alimentos e equipamentos utilizados na manipulação foram apreendidos. Alguns feirantes argumentam que ainda falta orientação das autoridades sobre a questão. Para os consumidores, as ações da Vigilância Sanitária são bem recebidas e trazem mais segurança e qualidade para os produtos comercializados.

Fonte: RG 15\O Impacto e G1
Reações:

0 comentários:

Lava jata do gaúcho

Lava jata do gaúcho

Marcadores