Breaking News

Unilever adquire a marca Mãe Terra

Unilever anuncia acordo para a aquisição da companhia brasileira de alimentos naturais e orgânicos.
 
Londres/Roterdã - A Unilever anuncia assinatura de um acordo para aquisição da Mãe Terra, companhia criada em 1979 e que vem apresentando rápido crescimento - com taxas superiores a 30% ao ano - no mercado de produtos alimentares naturais e orgânicos, segmento estimado em mais €8 bilhões no Brasil (Euromonitor/2016).
 
Com um portfólio que inclui cereais, biscoitos, snacks e produtos culinários, a Mãe Terra tem, desde a sua fundação, o propósito de democratizar o acesso a alimentos nutritivos naturais e orgânicos, cuidando das pessoas e do Planeta, o que está perfeitamente alinhado com a estratégia de nutrição da Unilever e com seu compromisso de crescimento sustentável.
 
Globalmente, a tendência para alimentos saudáveis tem ganhado cada vez mais relevância. O Brasil é o quinto maior mercado de alimentos e bebidas saudáveis no mundo, com 79% dos consumidores considerando saúde e nutrição como prioridades.
 
Fernando Fernandez, presidente da Unilever Brasil, ressalta: “A aquisição da Mãe Terra nos deixa muito felizes. A marca tem excelentes produtos e uma base crescente de consumidores leais no Brasil. A Mãe Terra fortalecerá nosso portfólio de alimentos permitindo que aceleremos nossa expansão nos segmentos naturais e orgânicos que crescem de forma importante”.
 
Ainda segundo Fernandez, “Com a expertise de marketing e de operação da Unilever pretendemos ampliar rapidamente a escala da Mãe Terra, ajudando-a a realizar sua missão de trazer alimentos saudáveis e nutritivos a um número ainda maior de pessoas. Isto está perfeitamente alinhado com o compromisso da Unilever em oferecer alimentos saborosos, que fazem bem e que são produzidos de forma sustentável”, finaliza.
 
Alexandre Borges, CEO da Mãe Terra, afirma: “A Unilever entende como é importante preservar nossa cultura ancorada em propósito para manter o crescimento do negócio e a popularidade de nossos produtos. Possui conhecimento e escala únicos que nos ajudarão a acelerar nossa missão de trazer alimentos naturais e orgânicos a um número maior de pessoas no Brasil”.
 
A Unilever gerenciará a Mãe Terra de forma a preservar sua visão e sua cultura diferenciadas ao mesmo tempo que continuará acelerando o desenvolvimento do negócio. Alexandre Borges permanecerá como Diretor Geral.
 
As condições da transação deste contrato são sigilosas e estão sujeitas às aprovações regulatórias de praxe no Brasil.
 
Unilever Brasil
Isa Miamoto – Assuntos Corporativos/ Comunicação Externa
 
In Press Porter Novelli
Beatriz Corregiari – beatriz.corregiari@inpresspni.com.br
Carolina Campos – carolina.campos@inpresspni.com.br
Tel.: 11 3330-3810 / 3323-1572
 
Sobre a Unilever             
 
A Unilever é uma líder mundial na comercialização de produtos alimentícios, de limpeza doméstica, de cuidados pessoais com vendas em mais de 190 países, alcançando 2,5 bilhões de consumidores por dia. A empresa tem 169 mil funcionários e gerou vendas de €52.7 bilhões no ano de 2016. Mais da metade (57%) da pegada da empresa se encontra nos mercados emergentes e em desenvolvimento. A Unilever possui mais de 400 marcas, que são encontradas em domicílios ao redor do mundo.
 
No seu Plano de Sustentabilidade a Unilever se compromete a:
  • Ajudar mais de um bilhão de pessoas a tomar iniciativas para melhorar sua saúde e bem-estar até 2020.             
  • Reduzir pela metade o impacto ambiental de nossos produtos até o ano 2030. 
  • Melhorar as condições de vida e trabalho de milhões de pessoas até o ano 2020.
O USLP cria valor ao estimular o crescimento e a confiança, eliminando custos e reduzindo riscos. As marcas de vida sustentável da empresa estão crescendo 40% mais rápido que o resto do negócio e entregaram quase metade do crescimento da empresa em 2016.
 
A Unilever ocupou o primeiro lugar em seu setor no Índice Dow Jones de Sustentabilidade 2017. No índice FTSE4Good, obteve a pontuação ambiental máxima de 5. Liderou a relação de Líderes Globais em Sustentabilidade Corporativa na pesquisa anual GlobeScan/SustainAbility 2017 pelo sétimo ano consecutivo.
 
No Brasil há 88 anos, os produtos da Unilever são encontrados em 100% dos lares brasileiros, e, ao longo de um ano, atingem, mensalmente, 46 milhões de domicílios. São mais de oito décadas de sucesso, conquistas, convívio e relacionamento com o consumidor, antecipando desejos, atendendo necessidades e construindo marcas consagradas como Arisco, Axe, Becel, Brilhante, Cif, Close-Up, Comfort, Dove, Fofo, Hellmann’s, Kibon, Knorr, Lifebuoy, Lux, Maizena, OMO, Rexona, Seda, TRESemmé, VIM, entre outras.
 
Para obter mais informações sobre a Unilever e suas marcas, acesse www.unilever.com.br
 
Para obter informações sobre o Plano de Sustentabilidade da Unilever (USLP) acesse: https://www.unilever.com.br/Images/relatorio-de-progresso-2016-portugues_tcm1284-510366_pt.pdf 
 
Sobre a Mãe Terra 
        
A Mãe Terra é uma empresa líder no segmento de alimentos naturais e orgânicos no Brasil. Fundada em 1979, tem mais de 120 produtos e está distribuída em todos os estados do Brasil. Nossos quase 300 mãe-terráqueos compartilham da paixão e do propósito de democratizar o consumo de alimentos naturais e orgânicos no Brasil. Alimentos que cuidam das pessoas e da nossa mãe Terra. 
 
Declaração de Isenção
 
Este anúncio pode conter declarações prospectivas, incluindo declarações prospectivas dentro da definição do Private Securities Litigation Reform Act dos Estados Unidos de 1995. Pretende-se que as palavras que indicam o futuro, e palavras como "espera", "pretende", "parece", 'acredita', 'visão, ou o negativo desses termos e outras expressões semelhantes e quaisquer outras declarações sobre desempenho ou resultados futuros, identifiquem estas afirmações como declarações prospectivas. Estas declarações prospectivas se baseiam em expectativas e premissas atuais relacionadas a desenvolvimentos esperados e outros fatores que possam afetar o Grupo Unilever (o "Grupo"). Não são fatos históricos, nem são garantias de desempenho futuro.
 
Como essas declarações prospectivas envolvem riscos e incertezas, existem fatores importantes que poderiam fazer com que os resultados reais sejam materialmente diferentes daqueles expressos ou implícitos nas declarações prospectivas. Entre outros riscos e incertezas, os fatores materiais ou principais que poderiam fazer com que os resultados reais difiram materialmente são: as marcas globais da Unilever não gozarem da preferência dos consumidores; a capacidade da Unilever de inovar e de permanecer competitiva; as escolhas de investimentos da Unilever na gestão de seu portfólio; a incapacidade de encontrar soluções sustentáveis para apoiar crescimento no longo prazo; relações com clientes; o recrutamento e retenção de colaboradores talentosos; interrupções na cadeia de suprimentos da empresa; o custo de matérias primas e commodities; a produção de produtos seguros  e de alta qualidade; infraestrutura de TI segura e confiável; a execução bem sucedida de aquisições, desinvestimentos e projetos de transformação empresarial; riscos econômicos e políticos e desastres naturais; os efeitos da mudanças climáticas sobre os negócios da Unilever; riscos financeiros; o fracasso em manter padrões éticas altas; e a gestão de questões regulamentares, fiscais e legais. Estas declarações prospectivas têm efeito apenas a partir da data deste anúncio. A não ser quando exigido por qualquer lei ou regulamento, o Grupo não se obriga a comunicar publicamente quaisquer atualizações ou revisões das declarações prospectivas contidas nesse documento para refletir quaisquer mudanças nas expectativas do Grupo em relação às informações aqui contidas ou quaisquer mudanças nos eventos, condições ou circunstâncias sobre as quais tais declarações se baseiam. Detalhes adicionais sobre os riscos e incertezas que afetam o Grupo são descritos nos registros do Grupo na Bolsa de Valores de Londres, na bolsa Euronext de Amsterdã e na Securities and Exchange Commission dos Estados Unidos, incluindo o Relatório Anual no formulário 20-F 2016 e o Relatório Anual e Contas da Unilever de 2016.

Fonte: Unilever
Postar um comentário

Lava jata do gaúcho

Lava jata do gaúcho